"> A Europa não terá um "Dia da Liberdade Religiosa" - Direito Religioso }catch (ex){}
A Europa não terá um “Dia da Liberdade Religiosa”
>
>
A Europa não terá um “Dia da Liberdade Religiosa”

A Europa não terá um “Dia da Liberdade Religiosa”

A proposta do grupo Conservadores e Reformistas foi rejeitada antes de chegar ao plenário do Parlamento Europeu.

Sessão Plenária – Parlamento Europeu. Créditos

Parece que o Parlamento Europeu (PE) não tem interesse na liberdade religiosa, apesar desta ser parte integrante da Convenção Europeia de Direitos Humanos.

Existe um dia internacional para quase tudo, mas a proposta de estabelecer um “Dia Internacional da Liberdade Religiosa” foi rejeitada recentemente.

A ideia foi lançada pelo Intergrupo de Liberdade Religiosa ou Crença e Tolerância Religiosa. Defendido pelo grupo Conservadores e Reformistas, que o transformou em proposta política, ao lado do Partido Popular Europeu e do grupo Identidade e Democracia, foi rejeitado pelo Renovar a Europa, pelos Socialistas, pelos Verdes e pela Esquerda.

Ressaltando que a liberdade religiosa é um direito humano básico, protegido pelo Artigo 18 da Declaração Universal dos Direitos do Homem, os promotores pretendiam estabelecer o Dia Internacional em 24 de junho, aniversário da adoção das Diretrizes da UE para a promoção e proteção da liberdade de religião ou crença pelo Conselho da União Europeia em 2013.

Poucos perceberam essa rejeição, pois a proposta foi bloqueada antes da próxima sessão plenária do PE, e seu texto nem será publicado.

O grupo Conservadores e Reformistas afirma que avançará novamente com sua proposta no futuro.

Fonte: Marco Respinti, Bitter Winter. Original aqui

Compartilhar com

Não existem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Loja Carrinho

Nenhum produto no carrinho.